TOP
28207a46-598a-4fcf-a09e-a29535e58825
America do sul Brasil filmes inspiradores Sem categoria Variedades

Filmes e séries brasileiras , arte da melhor qualidade.

Com temática variada , ótimos diretores e qualidade técnica cada vez mais elevada a filmografia brasileira se destaca nestes tempos e diversão caseira. Listamos aqui filmes e séries feitos a partir do ano 2000 e vários estilos.

Quem não valoriza e não conhece a sua própria história, está fadado a não entender a sua cultura, muito menos a sociedade em que vive. E, se você quer saber melhor um pensamento de época ou do mundo contemporâneo, não tem nada melhor do que conferir a produção cinematográfica do país.

Para você que não está acostumado aos filmes brasileiros , listamos aqui o que vimos de melhor nos últimos tempos, se arrisque que você não vai se arrepender.

AOS OLHOS DE ERNESTO (2020)

Um filme excelente feito em Porto Alegre: “Aos Olhos de Ernesto”.
Produção da Casa de Cinema de Porto Alegre, direção de Ana Luiza Azevedo.
Uma história delicada, com humor na medida e muito comovente. A relação de um senhor uruguaio quase cego com uma moça cuidadora de cães que vai ler e escrever cartas para ele!
Me pareceu filme argentino. Eu amei, me emocionei e chorei muito.
A trilha sonora é deliciosa , com Caetano cantando ” Um vestido e um amor”.
Premiado em São Paulo e em Punta Del Este, no NetNow.
 
unnamed

BOM DIA VERÔNICA (2020)

A primeira série brasileira de suspense com o selo original da NETFLIX. A trama acompanha a rotina da escrivã da Delegacia de Homicídios de São Paulo, Verônica Torres (Tainá Müller), e sua difícil jornada ao tentar ajudar as vítimas de violência doméstica. Forte mais daquelas que faz a gente grudar na cadeira. 

Super falada nos últimos dias, trata de temas atuais e super fortes e é baseado livro homônimo de Ilana Casoy, assinado pelo pseudônimo Andrea Killmore.

26123811504304

VIDA INVISÌVEL (2019)

Rio de Janeiro, década de 1940. Eurídice (Carol Duarte) é uma jovem talentosa, mas bastante introvertida. Guida (Julia Stockler) é sua irmã mais velha, e o oposto de seu temperamento em relação ao convívio social. Ambas vivem em um rígido regime patriarcal, o que faz com que trilhem caminhos distintos: Guida decide fugir de casa com o namorado, enquanto Eurídice se esforça para se tornar uma musicista, ao mesmo tempo em que precisa lidar com as responsabilidades da vida adulta e um casamento sem amor com Antenor (Gregório Duvivier).

images (1)

LISBELA E O PRISIONEIRO (2003)

Direção: Guel Arraes Um romance que utiliza vários elementos cinematográficos clássicos e os transporta para o nordeste brasileiro. Lisbela e o Prisioneiro é quase uma fábula brasileira que merece ser vista. Lisbela, interpretada por Débora Falabella, é uma típica moça de interior que ama cinema e vive sonhando com os atores de seus filmes favoritos. Selton Mello interpreta Leléu, um galã conquistador que fica com uma mulher diferente em cada canto.  

Para mim dos melhores filmes brasileiros de todos os tempos.

Lisbela

IRMANDADE (2019)

Sob direção de Pedro Morelli, Irmandade tem como foco a personagem Cristina, uma advogada que descobre que o seu irmão (Seu Jorge), antes tido como desaparecido, na verdade está na cadeia por ser o líder de uma facção criminosa. A sua vida muda ainda mais quando ela se vê obrigada pela polícia a trabalhar como informante, infiltrando-se nesse perigoso grupo dos crimes, passando a questionar o funcionamento da Lei e da Justiça.

download (2)

AQUARIUS (2016)

Clara (Sonia Braga) tem 65 anos, é jornalista aposentada, viúva e mãe de três adultos. Ela mora em um apartamento localizado na Av. Boa Viagem, no Recife, onde criou seus filhos e viveu boa parte de sua vida. Interessada em construir um novo prédio no espaço, os responsáveis por uma construtora conseguiram adquirir quase todos os apartamentos do prédio, menos o dela. 

Muito bem feito , apesar do tema ser um tanto maniqueísta. A trilha sonora é ótima.

images

QUE HORAS ELA VOLTA? (2015)

Direção: Anna Muylaert Sutil, mas ácido. O filme “Que Horas Ela Volta?” é um retrato de como a sociedade brasileira mudou ao longo dos anos. Além disso, mostra como é defasado o comportamento de várias pessoas da classe média alta em relação aos empregados domésticos. O contraste entre duas gerações é representado através de uma mãe e sua filha. Elas não se vê desde muito nova, pois a mãe deixou no nordeste para vir ganhar a vida em São Paulo. Val chegou na capital e, desde então, mora na casa dos patrões. Empregada doméstica, ela raramente visita a filha e, em paralelo, toma o filho dos patrões como seu também. Mesmo assim, ela dorme no quarto da empregada e, por exemplo, não pode entrar na piscina ou sentar na mesa da cozinha. Sua filha, Jéssica, vai para São Paulo prestar vestibular e o choque de gerações e comportamentos é nítido para todos da casa.

Um dos filmes mais bonitos que o cinema Brasileiro já fez. Difícil de digerir mas fácil de identificar comportamentos parecidos em várias casas do Brasil.

download

RIO EU TE AMO (2016)

Do diretor Fernando Meirelles, “Rio, Eu Te Amo” reúne dez curtas de dez diretores brasileiros e internacionais. As histórias são filmadas em diferentes pontos do Rio de Janeiro, revelando as características mais marcantes da cidade.

download (1)

 

 

MINHA VIDA EM MARTE (2017)

Comédia escrachada mas muito bem dirigida. Fernanda (Monica Martelli) está casada com Tom (Marcos Palmeira), com quem tem uma filha de cinco anos, Joana (Marianna Santos). O casal está em meio ao desgaste causado pelo convívio por muitos anos, o que gera atritos constantes. Quem a ajuda a superar a crise é seu sócio Aníbal (Paulo Gustavo), parceiro inseparável durante a árdua jornada entre salvar o casamento ou pôr fim a ele. Dupla se afina como ninguém.

minha-vida-em-marte_7f0c7cf3cacb0ddcb0f7a3e789cac877a9e227bd

O HOMEM QUE COPIAVA (2003)

Direção: Jorge Furtado Esse filme passou despercebido por muitos, mas vale a pena assistir para ver um filme com enredo de qualidade que concorreu em várias premiações. Na zona norte de Porto Alegre, André, operador fotocopiadoras, precisa de dinheiro. A motivação é meramente passional, mas ele consegue copiar notas de 50 reais. A reação em cadeia das suas atitudes resulta em uma trama que nos faz refletir sobre as oportunidades e sobre quais são os verdadeiros criminosos na sociedade.

download (3)

2 FILHOS DE FRANCISCO (2005)

Direção: Breno Silveira O filme consegue agradar a todos independente do gosto musical, já que o foco da produção não é a carreira de sucesso da dupla, e sim, o que veio antes dela. O foco é a trajetória da família Camargo, marcada por desafios, dando uma grande ênfase ao pai, Seu Francisco. O filme consegue ser emocionante sem precisar em nenhum momento, apelar para pieguices ou passar imagens com intuito de promover a carreira da dupla (como se eles precisassem). Assim, a produção segue um pouco a velha tradição dos antigos musicais de Hollywood. É uma história da busca pelo sucesso, na qual se enfrenta todo tipo de problemas e dificuldades para finalmente conseguir o que se sonha.

2_Filhos_de_Francisco

 

 

BINGO (2017)

Direção: Daniel Rezende . Quem cresceu nos anos 1980, lembra muito bem de, o Bozo. Era um programa de televisão apresentado por um palhaço com a cara branca, roupa azul e nariz e cabelo vermelhos. Era a mania entre as crianças, que desfilavam nas escolas jargões como “cinco e sessenta”, “dá uma bitoca no meu nariz” e “ah, que peninha”. Só que não existiu somente um intérprete de Bozo no Brasil. Assim, o filme é uma narrativa cinebiografia de Arlindo Barreto, um dos intérpretes do palhaço Bozo no programa matinal exibido pelo SBT. Barreto alcançou a fama graças ao personagem, apesar de jamais ser reconhecido pelas pessoas por sempre estar fantasiado. Esta frustração foi a raiz de sua queda.

144922

O MECANISMO (2019)

Criado por José Padilha (Tropa de Elite), O Mecanismo é um drama político baseado em investigações e acusações de histórias de corrupção no Brasil. Ele se baseia em alguns dos maiores nomes da política brasileira para contar uma história de ficção sobre diversos crimes e esquemas políticos que aconteceram no Brasil nos últimos anos.

maiores-e-melhores-series-brasileiras-netflix-15

HOUVE UMA VEZ DOIS VERÕES (2002)

Chico, adolescente em férias na “maior e pior praia do mundo”, encontra Roza num fliperama e se apaixona. Transam na primeira noite, mas ela some. Ao lado de seu amigo Juca, Chico procura Roza pela praia, em vão. Só mais tarde, já de volta a Porto Alegre e às aulas de química orgânica, é que ele vai reencontrá-la. Chico quer conversar sobre “aquela noite”, mas Roza conta que está grávida. Até o próximo verão, ela ainda vai entrar e sair muitas vezes da vida dele.

download

CIDADE DE DEUS (2002)

Buscapé (Alexandre Rodrigues) é um jovem pobre, negro e muito sensível, que cresce em um universo de muita violência. Buscapé vive na Cidade de Deus, favela carioca conhecida por ser um dos locais mais violentos da cidade. Amedrontado com a possibilidade de se tornar um bandido, Buscapé acaba sendo salvo de seu destino por causa de seu talento como fotógrafo, o qual permite que siga carreira na profissão. É através de seu olhar atrás da câmera que Buscapé analisa o dia-a-dia da favela onde vive, onde a violência aparenta ser infinita.

«

»

Deixe-nos seu comentário!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Captcha *