TOP
DSC06317
Africa Fotografia Marrocos Variedades viajandocomarte

Marrocos histórico

A história do Marrocos está intimamente conectada com os acontecimentos da Europa e do Oriente Médio.
Assim como Istambul e a chave de conexão entre Europa e Ásia, o Marrocos marca a interseção da Europa com a África, tendo o estreito de Gibraltar a apenas 13km, menos do que a ponte Rio-Niterói.

03A918CA-BE8C-499C-B654-A28BBF387B1E

 

Por ter um litoral que é banhado por dois oceanos , Mediterrâneo e Atlântico, o país foi um entreposto comercial fenício, os primeiros grandes comerciantes do Mediterrâneo.
Se fossem subtraídas as palavras místico, exótico ou mágico seria difícil descrever o país.

IMG_5283
Tânger é a porta de entrada do país , uma cidade com status internacional que serviu de cenário para acontecimentos que interligam Espanha , França e Inglaterra. A Guerra Civil Espanhola é retratada na cidade no seriado baseado no livro “O Tempo entre Costuras”.

DSC06251

Apesar de ser uma cidade mais ocidental, com calçadão a beira mar , na Medina a vida segue seu curso tradicional.

IMG_5032

Ganhamos um pão quentinho direto da caçamba de uma moto do tempo da II Guerra.

IMG_5214 IMG_5213
No Cabo Espartel se encontram o mar Mediterrâneo e o oceano Atlântico.

DSC06267
Seguindo mais para o sul pela costa Atlântica, uma grande linha de areia forma muitas praias quase desabitadas. Arsila quebra a monotonia com um centrinho murado e casinhas brancas, um lugar meio adormecido que tem sua história ligada ao portugueses e o seu rei perdido, D. Sebastião.

DSC06208
Um passeio de uma hora cobre toda a cidade, com belos takes tendo as águas azuis ao fundo.

7B80034D-AEB4-4683-B61E-A80339CFFEEE

7fc3ef12-3f77-4b15-97f1-71e1a2f790da

Quando nos afastamos do litoral o relevo encrespa em montanhas verdes e cultivadas. Nesta região o kif , como os marroquinos chamam maconha, foi cultivado quase livremente até os anos 60. Ainda hoje a região é a principal fornecedora de haxixe para Europa.

DSC06304
Mas é a pérola azul que buscávamos! Chefchaouen é única, dizem que já alcançou o título de terceiro lugar mais instagramavel do mundo! Acredito, pois suas ruelas são inacreditavelmente fotogênicas.

A060A88B-05B0-44B5-B257-E64A3072B608

O azul anil dizem que foi trazido pelos judeus fugidos da inquisição espanhola. Não sei se é só isto, mas como cenário é imbatível. Tapetes pendurados em ruelas azuis e as pessoas vestindo suas djlabas, parecem duendes nas nuvens.
Cada beco gera stories impagáveis.

49A3F214-221F-4ACF-B169-32D73096771F

Foi por aqui que os romanos fundaram sua capital de província, Volubilis.

IMG_5547
Algumas ruínas ainda comprovam a riqueza da cidade. O povo autóctone é o berber, uma corruptela de bárbaros, ou amazigh , homem livre como preferem ser chamados. Nômades do deserto que viviam em suas caravanas fazendo comércio e pequenas criações de animais no Sahara.

IMG_5559

 

A cidade guarda mosaicos que resistiram quase dois mil anos e um uma belo solarium que serviriam muito bem para um banho de sol ainda hoje.

IMG_5563

 

Um país extremamente montanhoso , tem a cadeia Atlas como espinha dorsal e que divide as terras férteis do litoral do deserto profundo.
As primeiras cidades que se tem notícia foram colônias Cartaginesas nas margens do Mediterrâneo, centro urbanos que em 146a.C. foram tomadas pelos conquistadores romanos que fizeram do Marrocos a sua província mais distante, Mauritânia Tingitana.

IMG_5577
Uma curiosidade é que um governante berbere foi educado em Roma para levar a cultura romana ao norte da África, ele acabou levando também como esposa Cleópatra Selene , filha do falecido casal Cleópatra e Marco Antônio que estava sendo criada por Otavia , irmã de Augusto.
A cidade romana marroquina mais em emblemática e conservada é Volubilis, situada numa região fértil onde se produz um bom vinho desde esta época.
Outra riqueza local era a púrpura de Essaouira, pigmento violeta muito valorizado retirado de um caramujo.
No século IV, com a decadência romana vieram os vândalos que tiveram uma passagem rápida pela região.

DSC06385
Durante este tempo os berberes seguiam sua vida nômade em tendas , o Sahara era um movimentado posto de comercio de víveres, tecido e ouro vindos do Senegal e de Mali.
Mas pouca relação havia neste momento entre o interior e o litoral, a dominação romana alcançou somente até a atual Rabat.

DSC06345
Foi no século VII, logo após a unificação das tribos árabes sob a nova religião de Maomé , que o Marrocos foi invadido por árabes muçulmanos que vinham numa cruzada de conquista em direção a Europa. Com a ajuda de berberes convertidos , em 711 o caudilho berbere Tarik cruzou o estreito que levava a Espanha e em menos de três anos tinha conquistado quase toda à Península Ibérica, levando uma mensagem de igualdade e tolerância que a população local não tinha com os seus Visigodos Cristãos.

estreitogibraltar
O berberes foram pouco a pouco sendo cooptados a nova crença, e a chegada de Moulay Idriss , um Omíada descendente do profeta Maomé , foi a pedra fundamental da primeira dinastia marroquina, Idrissida , com capital na primeira cidade imperial, Fez.

IMG_5788
Idriss I foi assassinado a mando dos califas que lutavam pela continuidade do poder no Oriente. Os Omíadas de Damasco acabavam de ser sobrepujados pelos Abássidas de Bagdá, mas a situação da sucessão do profeta continuava bem turbulenta .
Hoje a cidade de Moulay Idriss é a mais sagrada do país, e serve de opção para peregrinos que não conseguem ir a Meca.

IMG_8934
Fez é tradicional e caótica! Sua Medina é a maior área urbana sem acesso a veículos motorizados no mundo.
Aqui está um recorte da vida como ela era há 500 anos. Uma sociedade comunitária onde 5 elementos compunham o dia a dia: mesquita, souk ou mercado, Hamman ou banho público, fornos comunitários e a madrassa ou escola religiosa.

IMG_5567
A Medina é também um grande atelier artesanal, curtumes , cerâmicas , tecelões e muitos outros trabalham em pequenas portinhas nas ruelas estreitas.
Tudo feito com a mesma técnica ancestral.

IMG_5271

 

Mais um roteiro Viajando com Arte! 

«

»

2 COMENTÁRIOS
  • Acyr
    1 mês atrás

    Belíssima viagem essa para Marrocos

    • Mylene
      1 mês atrás
      AUTHOR

      Olá Acyr,
      Foi mesmo , uma viagem no tempo cheia de experiencia incríveis.
      Vou continuar postando o seguimento.
      Abraço
      Mylene

Deixe-nos seu comentário!

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Captcha *

Siga-nos do INSTAGRAM